3 de mai de 2013

Comissão PEA-OGX de Campos realiza reunião com PAST para articular parcerias


Na quinta-feira (18) a comissão PEA-OGX de Campos dos Goytacazes teve um encontro com Mara Carvalho, coordenadora do Programa de Atenção à Saúde do Trabalhador (PAST), da Secretaria Municipal de Saúde.  O PAST se destina no conjunto de ações de vigilância epidemiológica do trabalhador, assim como a recuperação e reabilitação dos trabalhadores submetidos aos riscos e agravos advindos das condições de trabalho.  

A reunião teve como objetivo a articular a realização de parceria entre o PAST e a Colônia de Pescadores Z-19 para a execução de ações voltadas à saúde dos pescadores de Farol de São Tomé. O encontro foi mais um passo alcançado pela Comissão PEA-OGX para promover o fortalecimento da Z-19 através de parcerias públicas e privadas para ampliar os serviços prestados na sede da Colônia aos pescadores.


Estavam presentes na reunião representantes da SOMA e da OGX, o representante da Colônia Z-19, Rodolfo Ribeiro, a coordenadora do PAST, Mara Carvalho e o técnico de enfermagem e de segurança do trabalho do PAST, Esivaldo Jorge de Carvalho. Mara declarou que PAST tem interesse na parceria. Manifestou ser um desejo antigo de realizar um trabalho mais consolidado com os pescadores da Colônia Z-19. Disse que há muito a ser feito por essa comunidade e que neste momento é preciso realizar a vacinação básica e promover palestras de orientação aos pescadores. Mara afirma que há a possibilidade de disponibilizar profissionais do PAST para ações em Farol de São Tomé, mas é preciso acertar a logística de atuação desses profissionais, que o projeto atualmente está buscando viabilizar junto à Secretaria Municipal de Saúde. 

Rodolfo ofereceu salas da Colônia Z-19 para os atendimentos e relembrou de uma ação que já foi realizada pelo PAST na comunidade em 2010 vinculada à renovação da Carteira de Habilitação Náutica. Declarou que essa ação foi diferenciada e muito importante para a classe pesqueira, pois promoveu uma integração maior e de confiança entre os pescadores e a profissional de saúde. “A doutora atendeu 280 pescadores e em suas análises clínicas, e com os resultados de exames pôde diagnosticar quatro doenças recorrentes entre os pescadores: câncer de pele, hipertensão, perda de visão e dores na coluna.” – revelou Rodolfo.

Tatiana Balbão, do setor de Meio Ambiente da OGX, reforçou a importância da parceria para realização de atendimentos médicos na sede da Z-19, para que os pescadores se sintam à vontade, além de fortalecer as ações da Colônia. A Comissão PEA-OGX, junto à Z-19, fará o acompanhamento da viabilização desta possível parceria e também buscará parcerias com outras instituições públicas e privadas para promover ações à saúde dos pescadores. 

Comissão PEA-OGX em reunião com a Coordenadora Mara Carvalho, na sede do PAST.





SOMA

::Visitantes::